Ignez Ferraz, arquitetura & design  
Loading
     
PERFIL
CONTATO
NA MÍDIA
ARTIGOS
DICAS
 
Portfólio
DESIGN - MÓVEIS
ARQUITETURA
INTERIORES
MOSTRAS
MÓVEIS
Apoio
arquitetura & construção
design & internet
 
 home » dicas » 2 x tate (dada e cildo)
2 x Tate (Dada e Cildo)
Por Ignez Ferraz
Na Tate Modern de Londres, expô do artista plástico Duchamp (famoso pelos objetos ready-mades) e do fotógrafo Man Ray (inventor da raiografia), pertencentes ao Dadaísmo (1916-1921).



Foto “Le violon” (1924) de Man Ray, d’après “Banhista de Valpinçon” (1808) de Ingres


Ao louvar o caos, o movimento DADA (“cavalo de pau”) protestava contra a 1ª Guerra Mundial. De Zurique espalhou-se por várias cidades (Barcelona, Berlim, Colônia, Hanôver, Paris e Nova York), influenciando movimentos artísticos como a Arte Conceitual, a Pop Art e o Expressionismo Abstrato.



René Magritte (leiam mais sobre este poeta surreal), Marcel Duchamp, Marx Ernst e Man Ray


A seguir, a importante Galeria by Herzog & de Meuron (vejam outros projetos da famosa dupla suíça em Modernismo Gótico, Tóquio veste Prada e Olimpíadas de Pequim) anuncia Cildo Meireles. Os artistas brasileiros estão realmente em alta no Primeiro Mundo principalmente os conceituais com suas instalações.



Uma das obras mais famosas de Cildo é "Marulho" - o píer de madeira debruça sobre milhares de imagens de mares, enquanto caixas de som pronunciam “mar” em 80 idiomas diferentes


Parece fácil? Algumas até o são, como vários outros suportes da arte “contemporânea” de hoje. Mas outras são extremamente complexas, envolvendo grandes equipes de produção.
Pude constatar isto ao presenciar o craque Ernesto Neto e sua montagem Léviathant Thot no Panthéon de Paris.



Querem ver mais fotos, inclusive as “ninféias” do Claude Monet no novo Orangerie? Acessem aqui!


P.S. Ainda nesta antenada Londres, outros 15 brasileiros (Nelson Félix e Carlos Vergara entre eles) expõem na Allsopp Contemporary obras inéditas unidas pela utilização do papel, inclusive com propostas de site-specific como o de Brígida Baltar. Sempre adorei este material, tanto que duas das minhas entrevistadas trabalham sobre este suporte: Analu Prestes e Rizza Conde, onde vocês poderão encontrar explicações sobre os diversos tipos de gravuras.
E, para quem também admira os resultados com papel, ou ainda para quem tem dúvidas sobre seu valor perante outros suportes, indico como IMPRESCINDÍVEL uma visita ao Museu Albertina em Viena. Sabe aqueles craques das telas a óleo como Rubens ou Rembrandt (vejam um dos seus famosos quadros no final de FILM & ART)? Pois é...vocês precisam ver seus carvões, pastéis, sanguíneos...
 
Leia Também
 
 
Ignez Ferraz Perfil | Contato | Na mídia | Artigos | Dicas | Arquitetura | Interiores | Design-Móveis | Mostras.
  © 2003 Ignez Ferraz. Direitos reservados. Website by Felipe Memória